A Craque Dexaketo Textos

A Craque – Capítulo 11

Capítulo Anterior

Alê passa perto do inferninho e percebe que tem alguém ali. Como uma boa cearense, foi lá “curiar”, e viu que era Rayane e o fisioterapeuta. No meio dos amassos, entre um gemido e outro, Rayane falava que ele sendo um bom garoto, ele sempre ganharia a recompensa. Alê, sempre esperta, somou um mais e um, e entendeu o que aconteceu com Leazinha. E agora? Ela seria capaz de “enredar” Rayane e o fisioterapeuta? Ela também estava nem aí para Leazinha, porém seria um “tesão” queimar Rayane. O que ela faria? Alê decidiu o que faria, mas executaria na hora certa.

Era chegada a hora da partida. Seu João e Leazinha já estavam na arquibancada no belo ginásio do LEJ para verem a partida. Raí chama Leazinha para ficar no banco com as meninas. Antes de Leazinha chegar na quadra, Alê pede para Raí exigir que Leazinha colocasse o uniforme. Quando Leazinha chega no banco, Raí faz a exigência. Ela vai lá e coloca. O jogo começa.

Alê estava levantando a nível de Superliga, um jogo perfeito da levantadora, mas as pontas não estavam ajudando. O Luprana conseguia anular todas, seja com a defesa bem postada, ou realmente se aproveitando da falta de repertório das ponteiras lejianas. O primeiro set estava indo para o espaço até que Raí pede o segundo tempo técnico. Nessa hora, Alê pede a palavra e a presença de Leazinha em quadra. Raí já ia começar a explicar sobre o diagnóstico. Alê vira para Leazinha e pergunta se ela sentia alguma coisa. Leazinha diz que não, pede para Raí a colocá-la e ainda afirma que era um jogo perfeito para ela, porque a defesa era muito previsível. Raí, já estava querendo fazer isso, então faz. Leazinha ia pro jogo!

O jogo mudou! Leazinha amassou! Alê seguiu fazendo um jogo épico, enquanto que Rayane foi para o banco por está desconcentrada. O jogo perdido virou um amasso. 3×0, fora os ameaços! Uma estreia de sair aplaudida de quadra. Seu João ficava bobo dizendo que Leazinha era filha dele.

Ao fim do jogo, Alê pede para Raí falar com alguém da direção do clube, pois um fisioterapeuta errar como ele errou, era inadmissível. Além disso, pediu para Leazinha fazer novos exames, porque ela não estava machucada. Raí percebe que Alê aparentava saber de algo. Ela disse que só sabia o óbvio. Raí, no dia seguinte, faz o que Alê o orientou. O fisioterapeuta foi demitido pela diretoria pelo erro, e um novo seria contratado para cuidar do caso.

Dois dias após o jogo, Leazinha foi fazer os tais exames. O novo fisioterapeuta a atende e detecta que nada ela tinha, estava 100%. Ela sorrir cheia de felicidade! O fisioterapeuta se encanta muito com aquele sorriso. Quando ela estava saindo, pergunta o nome dele, ele diz que se chama Bruno. Ela grita: “Obrigada, Bruno!” Bruno só rir das palhaçadas de Leazinhas.

O tempo anda, os treinos ficam ainda mais intensos. Rayane implica com Alê em um treino, Alê vira para ela e pergunta: “Vai dar o P**** para alguém para me tirar do time?” Rayane pede para Alê a respeitá-la, Alê começa a rir e diz: “Eu sei o que você fez no Verão passado!” Rayane se assusta! Leazinha rir e diz: “Isso é amor, viu!” Alê e Rayane olham para Leazinha com ódio, e ela apenas se retira.

O 1º turno já se aproximava da Grande Final. O LEJ amassava todo mundo, mas sabia que tinha que manter o nível para conquistar o título, e isso foi feito com maestria. As cearenses estavam arrasando. Alê e Rayane estavam numa nível absurdo, mas Leazinha parecia uma atleta de nível mundial. A “Bosko” cearense estava numa fase incrível.

Chegamos na Grande Final…

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: