Anos 2020 - Música Brasileira Rádio Dexaketo

Djavan e Milton Nascimento – Beleza Destruída

Letra

O mundo é lindo, mas não é infindo, temos que cuidar
Pra não ver acabar
Tantos lagos, assim como os rios podem fenecer
Dar lugar, mas a quê?

A mata queimando
Joga a esperança na mais cruel solidão, solidão
Chuva demais pra uns e de menos pros demais
Causando mais sofrer, mais sofrer

Voar, correr, saltar, fugir
Viver pra ver o sol sair
Voar, correr, saltar, fugir

Ver indígenas e bichos implorando pra existir
Faz tão mal, faz tão mal
Mas o homem cego por dinheiro, só saber dizer
Dizimar, dizimar

Ver tanta beleza destruída
Encolhendo a própria vida, sim, é o fim
Pra quem hoje o fruto do não conta
Logo vai ter conta pra pagar pra viver

Voar, correr, saltar, fugir
Viver pra ver o sol sair
Voar, correr, saltar, fugir
Viver pra ver o sol sair

Voar, correr, saltar, fugir
Viver pra ver o sol sair
Voar, correr, saltar, fugir
Viver pra ver o…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: