Bromismo Dexaketo Poesias

Gostosa Insanidade

Desacreditei tanto em mim

Que o mundo esqueceu que eu existia!

Minha sorte é que eu fiz questão

De despertar antes que fosse tarde!

Ao relembrar de minha força

Cheguei a ser soberbo,

Normal querer bater na vida

Depois de tanto apanhar.

Respirei,

Controlei o que sentia

Não podia ferir quem não merecia!

Essa vida é louca!

Viver é uma gostosa insanidade

Que tenho o deleite de experimentar!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: