Bromismo Dexaketo Poesias Todos

Vida

Oh, ilustre destino!
Que brinca como um menino
Atrás de ver a risada
De quem um dia chorou!

Vida marota,
Que brinca como uma garota,
Esbanjando o sorriso
De quem viveu o que sonhou!

Aí, vida!
Tão atrevida!
Nem parece que é tão difícil!

Meu Deus,
Que anjinho mais danado,
É o caminho que me desenhou!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: