Contos Dexaketo Dexaketo Textos Todos

O Velho Conversador

Não importava se você ia da Leste-Oeste até a Abolição, através do 052, do 092 ou do 711, ele estaria em algum desses ônibus, em algum dia da semana. Era comum a todos que pegavam aquelas linhas conhecer o famoso “Velho Conversador”.

O velho Conversador todo dia andava de ônibus! Ele subia na primeira parada após o cruzamento da Leste-Oeste com a Pasteur, sentava na cadeira atrás do motorista e tome conversa depois disso. A conversa era sempre a mesma, falar bem do que era antigo e meter o pau no que era novo. Não tinha outra conversa! Internet era do demônio e telegrama, de Deus. Alguns motoristas davam corda, outros apenas fingiam que estavam o ouvindo. No fim, antes de descer, ele mandava todo mundo para merda, era uma tradição peculiar daquele senhor.

Troquei o ônibus pela bicicleta, não sei como está o velho Conversador, mas com certeza, deve está nesse momento, em algum ônibus na Leste-Oeste, demonizando esse blog e dizendo que bom era quando se usavam apenas cartas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: