A TURMA Dexaketo Textos Todos

A Turma – Capítulo 12

Capítulo Anterior

No dia seguinte, João foi o primeiro a levantar, preparou o café para o casal e ainda deixou tudo nos “trinques” para não ter reclamação, e aliviar a barra depois da pisada de bola do dia anterior. Yasmin e Bernardo nem acreditavam no que João havia feito. Durante o café, os três conversaram “rios de besteiras”, o suficiente para deixar o dia ótimo. Quando Bernardo e João já saíam para a Prefeitura, o telefone toca, a Dona Moreira, a empregada da casa, atende. Ela chama por Bernardo e diz que o “Seu Miranda”, o pai de Yasmin, era quem estava na linha. Esqueci de falar, mas Miranda era Deputado Federal. Bernardo atende e é convocado para ir até a Fazenda do Sogro, tinham coisas da prefeitura para tratarem. Ao desligar o telefone, João afirma que iria só para o seu novo lugar de trabalho. Bernardo rir e diz que João iria com ele, pois seu sogro adoraria vê-lo. Só lembrando que João era filho do principal adversário político de Miranda. Yasmin pede cautela, que Bernardo não leve João, pois já faltou o jantar anterior, isso poderia prejudica-lo. Bernardo rir e diz que João não era o problema, mas a solução. Yasmin resolve se recolher, enquanto os dois amigos iam até o “Coronel”.

Chegando na Fazenda, Miranda entende a afronta logo que João pisa em seu caríssimo carpete. Ele engole a seco e diz que Bernardo terá que ir até Fortaleza. Reunião do partido sobre que posicionamento tomar sobre as Reformas propostas por Michel Temer. Apesar de Deputado, Miranda estava cansado da “ladainha” política. Ele afirma que Bernardo teria que ir para se apresentar como nova força política do interior. Bernardo pergunta quando seria tal reunião. Miranda rir e afirma ser daqui uma hora. Bernardo iria no jatinho da família. O prefeito indaga que estava sem nenhum assessor ali, Miranda pede para ele se virar. Bernardo rir e diz que levará João. Miranda emputecido permite.

A hora passa, Bernardo e João chegam em Fortaleza. João rir e afirma que Bernardo agora largaria tudo e iria atrás de Leazinha. Para piorar, um carro de som passar tocando “Sorte” de Gal Costa. Bernardo negava o desejo, mas João sabia que seu velho amigo estava louco para que eles dessem a sorte de reencontrar o eterno amor do prefeito.

Após a bendita reunião, que ocorreu na Aldeota, na sede do partido, Bernardo mandou uma mensagem de áudio por whatsapp para Yasmin, perguntando se ela queria algo. Ela afirma que queria umas roupas de crochê que vendia na Feirinha da Praia de Iracema. Como o bom marido que era, Bernardo vai até lá. Naquele instante, João sente um calafrio. Bernardo pergunta se o amigo estava bem, João afirma que pressentiu que algo muito bom ia acontecer. Bernardo acha que é frescura, entra no carro com João e os dois vão até a Feirinha.

Ao chegarem na Feirinha, Bernardo procura pelos crochês, encontra a barraquinha e…

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: